Verney Calçado Sustentável PortuguêsEste período delicado pelo qual passámos, e continuamos a passar, fez-nos perceber, entre tantas outras coisas, a importância de consumirmos marcas nacionais mas, também, de fazermos escolhas mais ecológicas e conscientes.

Orgulho-me de, desde há algum tempo, consumir menos. Era uma compradora desenfreada de tudo e mais alguma coisa. Perdia-me no Ebay e em tudo o que tivesse coisas e coisinhas baratas. Gastei fortunas em tralhas e bugigangas que para pouco ou nada serviram. Comprei, literalmente, montes de roupa que nunca usei e que acabei por dar ainda com a etiqueta. Chegou a altura de abrandar o meu consumismo e de adquirir apenas aquilo que realmente necessito, o que realmente gosto e o que realmente vou usar e abusar.

Parte do consumir menos também significa, para mim, consumir com qualidade. Como reduzi a quantidade, fiquei com uma maior folga financeira para investir em produtos de mais qualidade e, portanto, mais caros. E é nesse sentido que hoje vos trago uma marca portuguesa que conheci há pouco tempo, a Verney, mas que me conquistou pelo conceito e pela qualidade.

Verney – Uma marca de calçado sustentável portuguesa

Verney Calçado Sustentável PortuguêsSão quatro os pilares que me trazem hoje a falar e referenciar esta marca portuguesa.

1 – O calçado Verney é feito por mão de obra portuguesa, com fábricas localizadas no Norte do país. Afinal, somos dos países do mundo mais reconhecidos pelo nosso know how e qualidade na área do calçado.

2 – A Verney surpreende, desde logo, por se assumir como uma marca de calçado que não testa em animais e é cruelty free, não utilizando materiais de origem animal na composição dos seus artigos. Também a embalagem de envio das peças é em cartão e traz um saco de pano que podemos usar para ir às compras.

3 – O design do calçado é intemporal, com peças que roçam o clássico com um toque de contemporaneidade, e que podem ser conjugados para diferentes tipos de looks. Dos mais formais aos mais casuais.

4 – A qualidade do material é inegável. É certo que só tenho ainda umas sandálias, mas a experiência com a Verney surpreende desde o momento em que recebemos os nossos sapatos. Primeiro, porque nos chega numa embalagem de cartão desenhada e criada de forma a dispensar um saco de transporte. Que é como quem diz, a caixa É o próprio saco. Quanto aos sapatos, neste caso as sandálias, nota-se a qualidade a léguas como, aliás, todo o calçado nacional. Eu, que durante muitos anos usei chinelos e sandálias praticamente descartáveis, noto logo a diferença, sobretudo na zona da sola.

Verney Calçado Sustentável PortuguêsAs sandálias que aqui vêm, e que podem já ter visto nas publicações que fiz no meu Instagram (@barbarabacao), são o modelo Violet Canna Natural . São inspiradas no modelo conceituado mule e, tal como elas, são de um total conforto.

São feitas a partir de cânhamo (sim, da mesma planta do Cannabis)  e algodão, no seu exterior, com o forro com microfibra transpirável e antibacteriana. Quanto à sola, é feita em neolite.

Custam 79,90€ e podem ser compradas directamente no site da Verney com Visa, MasterCard e PayPal. A Verney faz entregas gratuitas em Portugal e na Europa (demoram cerca de 2 dias úteis por CTT Expresso) e entrega também no resto do mundo com uma taxa de 20€.

Não vos quero, com este artigo, incentivar ao consumo excessivo de bens materiais. Quero apenas, isso sim, lembrar-vos que, se precisarem realmente de comprar calçado, podem e devem optar por marcas portuguesas, ainda para mais quando têm um foco tão grande na sustentabilidade.

Reerguer Portugal está ao alcance de todos nós, uma escolha de cada vez.