Presentes para mãe

Este sábado a minha mãe completou mais um aniversário. Acho que se torna escusado entrar em pormenores sobre o quão orgulhosa sou da mãe que tenho e sobre o quanto gosto dela. É uma pessoa lutadora, extremamente bondosa (por vezes demais), dona de uma inteligência e criatividade fora do comum, com uma sensibilidade que poucos têm e que faz tudo pelas pessoas de quem gosta. Posso dizer sem problemas que se mais pessoas houvessem como a minha mãe neste mundo, não existiam guerras nem violência.

Mas deixemo-nos de mariquices porque senão ela mata-me quando vir este post. O drama todos os anos é escolher qualquer coisa que ela goste realmente, ou que lhe faça falta. E como o meu pai e irmão são os dois o típico homem que deixa a parte dos presentes para as mulheres, cabe-me a mim tratar de tudo. Ao longo dos últimos 15 anos cansei-me de dar todo o tipo de presentes que eu queria que ela gostasse, e tentei aprender a focar-me naquilo que acho que ela gostaria ou que lhe poderia ser útil. E portanto, em vez de roupa que ela pode não gostar, pensei oferecer-lhe outras coisas que ela, como mulher que gosta de se sentir bonita e cuidada, pudesse gostar. E, para além de um voucher numa loja de roupa que ela gosta bastante, comprámos-lhe alguns mimos de beleza, sobretudo de acordo com o tipo de pele dela.

Presentes para mãe

Tal como eu, a minha mãe também tem rosácea precisando, portanto, de produtos de qualidade que respondam às necessidades da sua pele para não piorarem a sua patologia e, se possível, que ainda ajudem a reverter os efeitos. E uma das nossas marcas preferidas para este efeito – a par com a Bioderma – é a Caudalie. E como sei que os cremes dela estão a acabar, lembrei-me deste coffret maravilhoso da Caudalie que inclui não só o creme sorbet hidratante para peles sensíveis como ainda a água micelar. E, para ficar o tratamento completo, o creme para olhos da mesma linha – a vinosource.

Como maquilhagem – porque a minha mãe lembrou-se agora de começar a arranjar-se mais – comprei-lhe um kit de sombras discreto mas elegante, da AVON, que vem com um primer em baixo e duas sombras, para um efeito anti-idade. Como o corpo não pode ficar esquecido, tinha mesmo de lhe oferecer este sorbet hidratante Nativa Spa Vinoterapia, d’O Boticário. Emprestei-lhe o creme de mãos e ela nem mo devolveu, por gostar tanto dele e, por isso, como tem antioxidantes com fartura, achei que este creme de corpo vai proporcionar-me um mimo extra depois do banho, porque é super fácil de espalhar, tem um cheiro incrível e é óptimo para combater e prevenir os sinais da idade na pele. Para terminar os cuidados pessoais, quis ver se gostava do óleo de perfume Red Musk, da The Body Shop, que tem uma fragrância que me faz lembrar dela.

Mais em tom de brincadeira, encomendei este livro de receitas personalizado (“Linha” é um apelido que entre nós usamos para brincar com a minha mãe). A encomenda foi feita através do Odisseias para a empresa Greenplot, e foi tudo feito não só muito rapidamente, como a Greenplot ainda foi super prestável em todos os momentos, e fez exactamente aquilo que prometia. Uma vez que a minha mãe é uma excelente cozinheira que todos os dias procura na Internet novas receitas e novas adaptações para aquilo que gostamos, achámos que o livro de receitas, apesar de ser uma brincadeira, fazia todo o sentido. E, para terminar, uma lista de compras da Primark que acho amorosa e que sei que lhe dá jeito porque anda sempre com papéis espalhados com as compras que precisa.