Huawei P8 + TalkBand B2

Já desde o Natal que ando a falar em comprar um telemóvel novo visto que o meu – um Samsung Galaxy S3 comprado no Verão de 2013 – para além de extremamente lento e com cada vez mais bugs, tem o ecrã partido devido a uma queda estúpida este Natal. Como tal, tenho andado a estudar o mercado à procura dos melhores modelos com uma boa relação qualidade-preço. Não sou daquelas pessoas que compra tecnologia por impulso, e analiso bem todas as opções dentro do orçamento que estipulo para comparar características que me interessem (como máquina fotográfica, duração da bateria e rapidez do sistema operativo). Posso não perceber muito de tecnologia, mas sei aquilo que quero, e sei aquilo que gosto. E, sendo fã assídua de Android, fiquei bastante entusiasmada com o lançamento do novo modelo da Huawei, o P8, que agora tenho a oportunidade de experimentar ao longo das próximas semanas, em conjunto com a pulseira TalkBand B2.

Irei fazer-vos a review completa assim que tiver a oportunidade de explorar todas as potencialidades destes dois aparelhos – ou, pelo menos, aquelas que alguém com as mesmas necessidades que eu num telemóvel pode precisar e pode ter interesse. Ainda assim, não posso deixar já de vos deixar algumas luzes sobre o Huawei P8 e a TalkBand B2.

Huawei P8 + TalkBand B2Huawei P8

Comecemos, então, pelo Huawei P8 que, como diz a marca, potencia a criatividade através da junção dos elementos avançados de tecnologia, design elegante e uma experiência de utilização simples mas eficaz.

Huawei P8 + TalkBand B2Sendo o mais recente modelo da série P, que foi primeiramente lançada em 2012, o Huawei P8 é inspirado, a nível de design, no mundo literário. A sensação de retirar o telemóvel de dentro da embalagem, também ela elegante e com um ar premium, é mesmo a sensação de retirar um livro de uma estante. A experiência começa logo aí. Mas, em termos técnicos, aqui ficam algumas das suas características específicas:

  • Altura: 144.9mm; Largura: 72.1mm; Espessura: 6.4mm; Peso: 144
  • Tripla camada, para aumentar a segurança e robustez
  • Ecrã: 5.2” FHD; 1080p (1920 x 1080); 424ppi; 16M cores
  • Memória: 3 GB RAM; 16 GB ROM
  • Android™ 5.0
  • Processador Kirin 930 Octa-Core de 64bits 2GHz
  • Tampa traseira de aço, para uma maior rigidez
  • Bateria 2680mAh
  • Optimizado para 4G

Huawei P8 + TalkBand B2E tem algumas coisas giras que vale bem a pena mencionar desde já, como por exemplo:

  • Aumento do volume até 58% para situações de ruído
  • Elimina até 90% do som do vento nas chamadas
  • Mãos-livres com qualidade elevada até 2 metros de distância
  • Aumentar o volume da música para o dobro com a mesma qualidade
  • Signal+: Quando uma extremidade da antena é tapada e o sinal se torna mais fraco, ele muda instantaneamente para a outra extremidade, assegurando que o sinal se mantém forte
  • Aumenta a velocidade do roaming em três vezes mais que a média

Huawei P8 + TalkBand B2Sobre a câmara, uma das características principais para mim, aqui ficam algumas das potencialidades inovadoras do Huawei P8:

 

  • Câmara traseira: 13 MP, OIS, RBGW sensor, DSLR-level Image Signal Processor, 1080p video recording/1080p video playback;F2.0; Dual-tone color temperature flash
  • Câmara frontal: 8 Mega pixel
  • Estabilização Óptica de Imagem para evitar os nossos tremeliques nas fotografias, para que fiquem mais focadas e nítidas.
  • RGBW de quatro cores: é o primeiro sensor do mundo com estas características e ajuda a melhorar “o brilho em 32% em situações de iluminação de alto contraste, reduzindo o ruído de cor em 78% em ambientes de pouca luz“.
  • Nível-DSLR. Ou seja, tem um processador de imagem ao nível das máquinas fotográficas normais. Assim, “permite a redução do ruído ao fotografar, detecção inteligente num ambiente de iluminação de alto contraste, permitindo aos utilizadores captar perfeitamente numa imagem alto contraste e baixo nível de detalhes de luz“.
  • Modos fotográficos que potenciam a criatividade, tal como:
    • Beleza: Dá um aspecto quase de “photoshop” instantâneo
    • Pouca luz: Ajusta a luminosidade
    • Light Painting: Que é para desenharmos com luzes, num cenário escuro, ou captarmos luzes. Faz efeitos espectaculares e muito diferentes do normal (estou doida para experimentar e vos fazer um tutorial)
    • Modo director: Para fazer vídeos ‘profissionais’, permitindo controlar outras três câmaras, desde que os telemóveis sejam Android, mesmo como um realizador. (vai ser lindo experimentar isto nos festivais de música!)

Huawei P8 + TalkBand B2O que estou a achar até agora: Tenho de deixar bem assente que o meu telemóvel está já muito desgastado e, como tal, qualquer modelo que fosse superior já me ia causar muita diferença na utilização. Ainda para mais, tratando-se desta “bomba”.

  • Tudo flui com uma rapidez extrema (troca entre aplicações, aberturas de menus e aplicações, reacção da câmara, etc) e isso está a ser o que mais me está a surpreender porque já não estava habituada a esta fluidez.
  • A câmara é muito, muito boa (tanto a frontal como a traseira) e as fotografias ficam muito nítidas, mesmo quando faço zoom, e mesmo quando estou em andamento. Tem-me surpreendido bastante porque, apesar de o meu antigo estar super lento, sempre adorei a câmara do Samsung mas esta está a superar.
  • Acho o design super elegante e, para o tamanho, bastante leve.
  • É grande, mas não grande o suficiente para não caber na palma da mão.
  • O ecrã, muito amplo, tem um brilho fantástico e parece que todas as imagens ficam mais vivas do que no meu telemóvel antigo
  • A bateria está a surpreender-me, mesmo usando-o frequentemente para ir à net, fotografar, usar apps, etc (considerando que tinha de carregar o meu antigo telemóvel duas vezes por dia e andar sempre com o powerbank atrás)
  • Tem notificações a dizer o que é que está a consumir a bateria, e permite seleccionar opções de poupança de energia. Para mim é excelente porque esqueço-me de fechar aplicações, que consomem a bateria, e assim nunca mais me esqueço de as fechar.

Por enquanto fico-me só por estas notas sobre o Huawei P8 porque, apesar de ainda agora o ter começado a usar, já tenho muito para dizer mas isto é só um artigo de apresentação e, com o tempo, irei fazendo mais artigos com outras especificidades. Isto foi só mesmo para vos aguçar a curiosidade. Para os interessados, está disponível nas cores champanhe e grey por 499,90€.

Huawei P8 + TalkBand B2TalkBand B2

Nunca tinha usado um Wereable, pelo que está a ser toda uma nova experiência para mim. Esta TalkBand B2 trata-se de uma mistura de auricular Bluetooth e monitorizador de saúde numa só peça, que se ‘desdobra’ em duas de uma forma tão simples e bem conseguida que está genial. Quanto aos pormenores mais técnicos, aqui estão eles:

  • Monitorização fitness mais precisa e melhor sincronizado com os telemóveis
  • Conectividade Bluetooth superior aos modelos anteriores
  • Regista o sono profundo e o sono leve
  • Dois microfones
  • Redução de ruído
  • Permite enviar áudio (música e chamadas) para o smartphone e para a pulseira
  • Material de alumínio da aviação, com metal resistente e leve
  • Standby até 12 dias – em utilização até 5 dias, e chamadas até 6 horas
  • Dois tipos de braceletes (incluindo uma de pele) e três cores: preto, branco, dourado
  • Compatível com Androids (4.0 ou mais) e Iphones (IOS 7.0 ou acima)

Huawei P8 + TalkBand B2O que estou a achar: Esta TalkBand tem um piadão. Quando estou muito tempo parada, ela vibra para me lembrar de me mexer. Conta os passos que dou (ainda tenho de ver o quão fiel é a medição de passos), calorias e até as horas de sono, com outras potencialidades ali pelo meio. Ainda não experimentei o auricular mas estou rendida à maneira como a Huawei o incorporou na pulseira e com a facilidade que é tirar e pôr o auricular na pulseira. A sério, está genial. Adoro coisas simples, eficazes e práticas.

Huawei P8 + TalkBand B2Para além disso, acho a pulseira super discreta e, ao contrário de outros materiais, esta bracelete de borracha não arranca os pêlos dos braços e é, também ela, muito fácil de tirar e pôr. De realçar também que, geralmente, tenho muitos problemas em encontrar braceletes que me sirvam por ter os pulsos muito finos. Felizmente, a Huawei pensou nisso e consigo que a TalkBand esteja mesmo coladinha ao meu pulso, como eu gosto de usar as pulseiras (detesto a sensação de relógios soltos).

Para os interessados, a TalkBand está à venda por 169,99€ (na versão de preto e branco) e 199,90€ (a versão gold).