CURAPROX Mitos e verdades sobre higiene oral

Foi no último Open Day da 17.com que tive oportunidade de conhecer alguns dos produtos da marca Curaprox. Em conversa com a responsável da marca presente no evento, fui esclarecida sobre vários mitos e verdades sobre higiene oral. Acabei por descobrir que muitas das coisas que fazia e achava que sabia sobre o tema estão erradas. Foi aterrador e, por isso, propus-me a falar com o Higienista Oral Mário Rui Araújo para que me esclarecesse em mais algumas questões que, no meu grupo de amigos, achávamos que sabíamos as respostas.

Achas que estás a lavar bem os dentes e a tratar bem da tua boca? Lê a entrevista e descobre!

Mitos e verdades sobre higiene oral

O que é melhor/mais eficaz: uma escova tradicional ou eléctrica?

CURAPROX Mitos e verdades sobre higiene oralBoa pergunta, na realidade a melhor é aquela com a qual a pessoa consegue escovar sem ser com muita força (não causando danos ao esmalte), é acessível a todos os dentes (não é muito grande e chega bem a todas as áreas) e com a qual a pessoa consegue ser feliz (usa e gosta) e eficaz (consegue remover bem toda a placa bacteriana). Esta é a melhor escova e pode ser manual ou elétrica.

De acordo com a evidência científica parece que as escovas elétricas, se bem usadas, levam vantagem!

Mas, na maior parte das vezes, o que conta é o gosto pessoal e depois aprender a usar bem a escova, seja ela manual ou eléctrica. PS: escovas giras e coloridas ajudam-nos a ir escovar com outra motivação. Não se esqueçam!

Deve lavar-se os dentes apenas a cada refeição principal?

Na realidade devemos lavar bem os dentes duas vez por dia, uma ao deitar e outra quando for mais conveniente. Essas são as regras de base. Depois, se comermos algo que nos deixe algum sabor estranho na boca, por exemplo, é normal que escovemos após essa refeição. Mas não é uma regra, deve ser uma excepção. O mais importante é escovarmos bem os dentes e todos os dentes.

Atenção, escovar bem os dentes implica escovar também entre os dentes com um escovilhão ou passar com o fio dentário. Caso contrário, bem podem escovar os dentes 20 vezes por dia que apenas cuidam de 3/5 da sua superfície.

Durante quanto tempo se deve lavar os dentes?

2 minutos é o tempo universalmente aceite! E nós concordamos J Mas tão importante como o tempo é a eficácia, ou seja, a escova deve atingir todos os dentes e ficar pelo menos 2 segundos em cada dente.

A lavagem deve ser feita de que modo? De trás para a frente? Em movimentos circulares?

CURAPROX Mitos e verdades sobre higiene oralA escovagem deve ser feita de forma que todos os dentes sejam abrangidos. Todos os dentes e toda a sua área. A área que mastiga, a área dos dentes virada para a bochecha e por fim a área virada para o céu da boca e língua. Não escovar estas duas últimas, por exemplo, é quase o mesmo que não escovar de todo. Vamos certamente ter consequências. Imaginem lavar um carro apenas do lado direito ou só a parte da frente…ninguém o faz, não é? Pensem bem nisso!

Lavar os dentes ajuda com o mau hálito, ou é algo que nada tem a ver com os dentes?

Tem tudo a ver com os dentes e a gengiva. Eu diria que 95% do mau hálito é causado por uma escovagem ineficaz e pelo facto das pessoas não escovarem entre os dentes (com o escovilhão ou com o fio dentário). Façam a experiência: lavem bem os dentes com a escova. Depois, passem o fio dentário entre um dos molares atrás e sintam o cheiro. Tirem as vossas conclusões. Usar o escovilhão e/ou fio dentário diariamente, fazer uma escovagem total (alcançando toda a superfície dos dentes) e não ter a gengiva inflamada, elimina 95% do mau hálito (mais coisa menos coisa)!

Escovar os dentes é suficiente para uma boa higiene? Ou é preciso outros cuidados?

Utilizar apenas a escova de dentes não chega. Desculpem, temos pena, mas é a mais pura das verdades… A escova não cabe (na maior parte das vezes) entre os dentes. Para além da escova deve usar-se um escovilhão ou o fio dentário. Esta prática é mesmo fundamental, senão só estamos a cuidar de 3/5 da superfície do dente.

Quais são os benefícios da pasta de dentes preta (com carvão ativado)?

Algumas pastas com carvão ativado podem ter um papel interessante na coloração dos dentes, principalmente evitando que as manchas se acumulem mais facilmente. Mas atenção, é a forma como aplicamos a pasta que vai fazer a diferença. Com o auxílio de uma escova macia e uma escovagem calma em todas as áreas, os dentes vão brilhar e agradecer-lhe.

O carvão ativado danifica os dentes?

CURAPROX Mitos e verdades sobre higiene oralBom, se estivermos a falar do carvão do grelhador, sim danifica! Principalmente se estiver quente! (risos) Já este tipo de carvão, o carvão ativado, que é utilizado de forma controlada numa pasta autorizada, pode ser uma ajuda para a saúde oral.

De quanto em quanto tempo se deve trocar a escova de dentes?

3 a 4 meses é um bom intervalo de tempo. Sabem que a escova de dentes, para além de se deteriorar (fica com as cerdas tortas e perde a capacidade de limpeza), é um “íman” de bactérias (como podem imaginar, numa casa de banho, as bactérias podem ter tendência a proliferar). Convém mudar regularmente…

Que tipo de cerdas devemos escolher? Duras, médias ou suaves?

CURAPROX Mitos e verdades sobre higiene oralSuaves. Mas, para além das cerdas suaves, a escovagem deve ser feita com uma força qb e a técnica deve ser adequada a cada pessoa e a cada caso. Já experimentaram ter uma conversa com um higienista oral? Ficariam surpreendidos com o que se pode aprender sobre saúde oral.

A higiene noturna é a mais importante?

É muito importante! De uma forma geral é a altura em que não devemos mesmo facilitar. Deixo um conselho para quem costuma sair à noite: lavem bem os dentes antes de saírem de casa, pois se chegarem muito tarde e não conseguirem escovar nessa altura, já o fizeram antes.

É preciso utilizarmos muita quantidade de pasta dos dentes?

Não. Para um jovem ou adulto uma quantidade de pasta do tamanho de uma ervilha é suficiente. Para uma criança com menos de 6 anos, uma quantidade de pasta do tamanho de um grão de arroz é o suficiente.

Lavar em demasia prejudica os dentes?

Sim, pode ser prejudicial. Se a isso ainda adicionarem uma escovagem com muita força, velocidade e com cerdas muito duras, o dano é ainda maior. Como já referi, 2 lavagens por dia é suficiente. Mais do que a quantidade, é a qualidade e eficácia da lavagem que vale.

Um bom elixir substitui a lavagem dos dentes?

CURAPROX Mitos e verdades sobre higiene oralNão, de todo! Nada substitui a escova de dentes, o escovilhão ou fio dentário. Um elixir pode ajudar, pode ser importante numa em fase aguda de um problema gengival, mas não são, nunca a solução a longo prazo!

Quantos destes “Mitos ou Verdades” acertaste? Eu confesso que falhei muitos mas ajudou-me MUITO a perceber melhor a higiene oral e a melhorar a minha. Se, como eu, quiseres mudar a tua higiene oral, recomendo que visites uma farmácia ou a Notino e conheças melhor os produtos da CURAPROX.

Desde que troquei a minha escova de dentes de supermercado para uma CURAPROX e comecei a usar o escovilhão e a sua pasta dos dentes, noto diferenças significativas nos meus dentes.

A CURAPROX é especialista nos cuidados e higiene oral desde 1972, com um foco muito superior na saúde do que na parte estética. Tudo o que procuram para os vossos dentes, a CURAPROX tem disponível.

Agora contem-me tudo: quais foram os maiores erros que têm feito com os vossos dentes?