Celullase Pearls

Hoje venho falar-vos sobre celulite. Tenho celulite desde que me lembro, tal como estrias. Essas, coitadas, surgiram após vários ganhos e perdas de peso porque, em miúda, tal como agora, passava a vida a engordar e a emagrecer, já para não dizer que cresci muito rápido. Portanto, as estrias eram algo que sabia que me ia acompanhar para sempre e que não havia nada que pudesse fazer para que desaparecessem.

Mas a celulite, essa maldita, podia ainda desaparecer. Ok, talvez não desaparecer a 100% mas, pelo menos, deixar de ser tão visível sem precisar de apertar. Experimentei muita coisa ao longo dos últimos anos para combater a “casca-de-laranja”: cremes que aquecem, cremes que arrefecem, cremes que cheiram bem, cremes que cheiram mal, comprimidos, tratamentos estéticos e massagens drenantes. Até hoje, sinto que aquilo que melhor resultou comigo foram as drenagens linfáticas porque como faço muita retenção de líquidos, ajudam a fazer uma melhor circulação e a celulite fica mais escondida e a pele muito mais lisa. Por falta de tempo e de orçamento, tive de reduzir as drenagens linfáticas que vou fazendo e apenas as voltei a fazer após a operação, tal não era o meu inchaço nas pernas ao final do dia – malditos corticoides!

Sinto, então, que desde a operação que a minha celulite ficou muito mais visível – e, acreditem, visível já ela era! Acho normal, visto que ganhei tanto peso e volume mas custa-me, para além de a roupa me ficar justa, ainda ficar mais complexada porque só se vê celulite.

Sei que este é um problema que atinge mulheres com os mais diferentes tipos de corpos, dos mais volumosos aos mais magros. A celulite não escolhe raças, idades ou fisionomias e é inimiga de todas nós. Mas há muito que podemos fazer para atenuar radicalmente a aparência da celulite no nosso corpo:

1 – Deixar de beber refrigerantes

2 – Beber pelo menos 1,5 litros de água por dia

3 – Fazer exercício físico

4 – Massagens drenantes

5 – Tomar suplementos e aplicar cremes adequados

O último tópico só vem complementar todo um outro esforço que vem de dentro, e só resulta eficazmente se os pontos anteriores não forem desconsiderados. Apesar de adorar beber água, sinto que nas últimas semanas tenho ingerido menos do que deveria, e muito mais cola-zero. O desafio é deixar de beber coca-cola e passar a beber unicamente água ou chás (sem açúcar).

Mas, aliado a isso e ao ginásio que voltei a praticar mais regularmente, decidi dar uma oportunidade à Cellulase Pearls de grau de intensidade baixo ou moderado. Existe ainda um outro Cellulase, o Cellulase Advanced, que é para casos mais graves onde há inflamação extrema e dor.

Este produto é muito conhecido entre as mulheres e é um suplemento alimentar em forma de cápsulas que se tomam 2 vezes por dia – uma de manhã e outra à tarde – entre 8 a 12 semanas para se verem resultados efectivos.

Celullase PearlsCellulase Pearls usa pérolas RecaptaCell, que actuam nas células das nádegas e das coxas e, na sua composição, podemos encontrar também um complexo de plantas e vitaminas. Nos seus ingredientes activos encontramos:

  • Pérolas RecaptacellTM: Complexo tecnológico com óleos essenciais de Borago Officinalis e DHA extraído de alga, e Citrus sinensis e óleos de ómega-3 e ácido linoleico.
  • Vitamina B6 e B9
  • Bioflavenóides venoativos – Vitis vinífera – Gingko biloba
  • Centella asiatica – Ruscus aculeatus – Melilotus officinalis
  • Fucus vesiculosus (Alga)

Diz a marca que “Cellulase Pearls é a solução adequada para mulheres com pele “casca de laranja” em estado ligeiro para 90% dos casos – pequenas ondulações com aspeto de cova e visíveis quando apertados”. Vamos ver se finalmente consigo livrar-me disto, visto que estou a tentar mexer-me mais e a beber mais água ao longo do dia.

Podem encontrar os produtos desta marca à venda em farmácias, para-farmácias ou online:

Estou muito curiosa para ver o resultado deste produto, e quero muito saber se alguma de vocês já experimentou e o que achou. Toda a ajuda anti-celulite é bem-vinda por estas bandas!