BIODERMA Photoderm Bronze Bruma

Todas nós cometemos vários erros de beleza ao longo da nossa vida. Alguns por distracção, outros por falta de conhecimento e outros, certamente, apenas por preguiça. Contra mim falo, porque já cometi todos os erros que abaixo vos apresento mas quero saber se, como eu, também os fizeram e quais os outros erros de beleza que cometem no vosso dia-a-dia:

Espremer borbulhas – Espremer borbulhas é uma tentação. Há quem sinta nojo nesse procedimento e há quem, como eu, sinta uma vontade danada de espremer borbulhas (aquelas que chamamos espinhas) sempre que vejo uma. É inevitável… Parece que estão a chamar por mim. Mas o problema é que espremer borbulhas, mesmo que resulte numa espécie de tranquilidade (um estado zen que só quem gosta de fazer isto sabe o que é), pode resultar também em infecções (especialmente se não tivermos as mãos desinfectadas antes de o fazer), bem como deixar manchas na pele. Disso, minhas amigas, eu sei do que falo porque fiquei com várias e tenho tentado aprender a minha lição. Quanto aos pontos negros, controlem-se porque há utensílios específicos para os remover e, se sofrerem muito deste mal, podem ir a pessoas especializadas que fazem essa limpeza da pele sem vos deixar a pele cheia de marcas e cicatrizes.
Não usar protector solar SEMPRE – Isto foi algo que só aprendi quando descobri que tenho rosácea. Quem tem esta patologia, mais do que qualquer outra pessoa, deve educar-se a usar protector solar SEMPRE, seja Verão ou seja Inverno. Sei que é tentador andarmos bem morenaças, mas expôr o rosto ao sol sem protecção solar, nem que seja só para um passeio rápido, é um crime de beleza. O sol é responsável pelo envelhecimento precoce da pele, agilizando o aparecimento das primeiras rugas, bem como a criação de manchas na pele. Ninguém quer isso, certo? Não é por aplicarem protector solar no rosto que vão deixar de ficar bronzeadas mas, ao menos, evitam problemas sérios de pele (já para nem falar do maldito cancro). Se são preguiçosas, optem por BB Creams para este efeito, que já venham com protecção solar. Eu, no meu caso, uso 30+ no Inverno e 50+ no Verão, sem comprometer a minha maquilhagem ou o meu bronze. Emprestar maquilhagem e acessórios – É uma tentação que temos, quando nos maquilhamos em conjunto, emprestar maquilhagem e os acessórios como pincéis. Não é por sermos egoístas que devemos deixar de o fazer, é por uma questão de saúde. Há problemas de pele e de olhos, como a conjuntivite, que são altamente contagiosos e que podemos facilmente transmitir umas às outras sem nos apercebermos.   Retirar a cutícula das unhas – Só soube disto há uns anos mas a minha tendência sempre foi remover completamente a cutícula, mesmo que isso tivesse implicado, muitas vezes, que me cortasse durante o processo com o alicate. Mais tarde, aprendi que apenas se deve empurrar a cutícula, e não retirá-la. As cutículas ajudam a proteger as unhas e a mantê-las mais saudáveis, ajudando também a evitar infecções. Não as cortem, empurrem-nas!   Depilar minutos antes de ir para a praia – Ai, que tentação… especialmente quando alguém nos faz um convite irrecusável para ir para a praia duas horas depois mas nós ainda não nos tínhamos atrevido a ir à depilação e parecemos homens das cavernas. Felizmente, há todo um mundo de produtos para depilar em casa (como a lâmina, a espuma, a máquina e a cera) que ajudam a que consigamos estar sem pêlos em poucos minutos. O problema é que devemos fazer a depilação pelo menos 24 horas antes da exposição solar. Afinal, a exposição solar é algo até meio agressivo para o nosso corpo, bem como a depilação. Logo, se a pele está fragilizada e leva com raios UV, é possível que crie alergias (borbulhinhas)